Atualmente, as informações publicadas no Diário Oficial são disponibilizadas em PDF e sem indexação, o que dificulta a leitura e o acompanhamento das publicações pela sociedade e impede grandes trabalhos de pesquisa em cima das informações publicadas. Em nossa busca de solucionar esse problema, surge o D.O.Liberto: o Diário Oficial do século XXI.

Ele será mais simples de ser produzido pela administração pública, mais transparente e eficiente para pesquisa através da disponibilização dos dados estruturados, e melhor para acompanhamento por quaisquer interessados.

O D.O.Liberto utilizará um padrão aberto subordinado ao LexML para intercâmbio, identificação e estruturação das informações contidas nos diários oficiais, que seja legível por humanos e por computadores.

Equipe Responsável

Membro Fellow

Harllos Arthur

Bacharel em Relacões Internacionais pela Universidade Federal de Roraima (UFRR), com um semestre feito na Universidade de Brasília (UnB). Harllos é estudante de Direito, Economia (Formação Complementar) e Matemática Aplicada (Formação Complementar) na Fundação Getulio Vargas do Rio de Janeiro, com bolsa integral, e é estagiário no Centro de Direito e Economia (CPDE) da FGV Direito Rio, onde pesquisa na área de regulação de infraestrutura.

Cofundador do Laboratório de Políticas Públicas da FGV, instituição focada em repensar o setor público a partir do experimentalismo, na busca por soluções estruturais para problemas nacionais. Atualmente, atua no projeto D.O. Liberto, usando e abusando de seu conhecimento em Direito e quebrando a cabeça com seus colegas programadores (mas aprendendo, claro).

Membro Efetivo

Fernanda Scovino

Graduanda e bolsista em Matemática Aplicada pela Fundação Getúlio Vargas, fundadora do Diretório Acadêmico de Matemática Aplicada da FGV e bolsista no Projeto Congresso em Números do Centro de Tecnologia e Sociedade da FGV Direito Rio. Percebe que deve existir um maior envolvimento do setor público em questões sociais, no tratamento de problemas com soluções inovadoras e flexíveis de serem executadas em cima da ótica local.

Participou, em 2016, da staff na Conferência Desafio Brasil realizada pelo LABFGV e, desde então, passou a atuar em projetos do Laboratório que envolvem tecnologia e inovação, como o D.O. Liberto. Nas horas vagas, gosta criar designs e reproduzir conteúdos que traduzam à sociedade a essência do LABFGV e nossa vontade de gerar mudanças de impacto positivo no Brasil.

Conselheiro

João Luiz Carabetta

Mestrando em Modelagem Matemática na EMAp-FGV e formado em Física na UNICAMP, onde se envolveu com dados públicos e transparência em 2016, fundando o Transparência Unicamp. Hoje lidera a equipe de dados do Centro de Tecnologia e Sociedade da FGV Direito Rio e, nas horas vagas, atua como conselheiro no LAB FGV, auxiliando a equipe de tecnologia e surgindo com ideias mirabolantes e fantásticas para a entidade.

Membro Fellow

Matheus Paes

Matheus é graduando em Matemática Aplicada na Fundação Getúlio Vargas. Gosta um pouco demais de matemática, o que resultou em algumas medalhas em olimpíadas de matemática e na certeza de uma graduação em matemática. É programador do LAB e não dispensa um desafio nessa área.