O LAB FGV foi convidado para colaborar na realização de consulta pública do Projeto de Lei sobre Eficiência Pública (7843/17), de autoria do Deputado Federal Alessandro Molon (REDE-RJ). O PL envolve temas como transparência, abertura de dados, inovação e até propõe a institucionalização de Laboratórios de Inovação nos órgãos da Administração Pública. Portanto, está diretamente ligado à pauta do LAB FGV.

Quanto ao desenvolvimento desse produto, o Laboratório deverá buscar meios de incentivar o debate sobre o PL para que possam haver diversas contribuições da sociedade na plataforma oficial de realização de consultas públicas do Congresso Nacional. Depois, o LAB irá compilar os pontos pertinentes e discussões do PL em um relatório que será utilizado pelo relator na Comissão que debaterá a temática na Câmara dos Deputados. Desta forma, surge o Consulta Pública 2.0, onde o 2.0 representa a era do compartilhamento e da participação através da internet.

Esse produto representa uma possibilidade de o LAB FGV ir além da Administração Pública Direta, podendo atuar através do Legislativo também. Desse modo, surge esta oportunidade de colaborar com um processo relativamente novo e essencial para a democracia, tendo o LAB FGV um papel crucial para a estimulação e consequente efetivação da participação popular direta.

Equipe Responsável

Membro Efetivo

Rodrigo Roll

Graduando em Direito pela FGV Direito Rio, Vice-Diretor do Centro Acadêmico Mario Machado e membro da coordenação no LAB-FGV. Ingressou no LAB-FGV em 2016, tendo organizado evento de sabatinas com candidatos à prefeitura do Rio de Janeiro e colaborando na organização/formulação de projetos. Participou de projetos envolvendo o Vetor Brasil e ajudou a organizar a Conferência Desafio Brasil 2016. Em 2017, iniciou o projeto LAB – Entrevistas, e agora participa do projeto Brasil Inovador e de um projeto de consulta pública. Acredita muito no potencial do LAB FGV de gerar impacto real nas políticas públicas do país, trazendo sempre a inovação e a tecnologia como pauta.

Membro Efetivo

Ana Carolina Alhadas

Ana Carolina Alhadas Valadares é aluna do 4º período do curso de Direito da Fundação Getúlio Vargas. Ela é uma das três componentes da Diretoria Executiva do LAB FGV além de exercer a coliderança dos projetos Brasil Inovador e do Consulta Pública 2.0.

Além de atuar no LAB, Ana ainda é diretora do núcleo acadêmico do Centro Acadêmico Mário Machado, membro do núcleo de captação do Amplia FGV e alumni do Departamento de Estado Norte-Americano (SUSI program 2017).

Teve o primeiro contato com o LAB por meio da Conferência Desafio Brasil e no primeiro semestre de 2017 passou a fazer parte da equipe de forma efetiva. Acredita no LAB enquanto ferramenta de transformação da gestão pública e visualizou no projeto a possibilidade de colocar em prática seu sonho de seguir em uma trajetória política.

Membro Efetivo

Caio Macedo

Caio é publicitário, designer, professor, estudante, palestrante e o que mais você acreditar que ele seja. Afinal, se tem uma coisa que publicitário aprende é a se vender. Formado pela UFF (em Publicidade e Propaganda) em 2016, cursa Estudos de Mídia na mesma universidade e coleciona anos de trabalhos desenvolvidos na Universidade, em empresas e para o governo e trabalha, no LAB FGV, como consultor. Premiado, autor de artigos e outras coisas bonitas mais, Caio acredita que o design pode, sim, mudar o mundo, one print or website at a time.

Membro Efetivo

Rafaella Salles

Rafaella Salles é estudante de Direito pela Escola de Direito da Fundação Getulio Vargas e tem formação complementar em Relações Internacionais pelo Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil (CPDOC/FGV). É pesquisadora em Mobilidade Urbana e Sharing Economy, com foco em responsabilidade civil e criminal dos carros autônomos, pelo Centro de Tecnologia e Sociedade da FGV-Rio.

Em 2016, conheceu o LAB FGV ao trabalhar na Conferência Desafio Brasil e, desde então, enxerga o potencial que o Laboratório de Políticas Públicas têm de ser a porta de entrada que garantirá inovação e renovação no setor público brasileiro. Atualmente, faz parte do time da Diretoria Executiva e acredita, com orgulho, no enorme potencial que esse time tem de gerir e prototipar políticas públicas inovadoras.